Números da economia do município são alarmantes, segundo Guto Issa

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail
 

O Vereador Guto Issa usou a tribuna da Câmara Municipal para falar sobre o que considera como graves distorções na economia do município de São Roque.

Preocupado com o fechamento de lojas, a falta de empregos e de oportunidades, Guto explicou números alarmantes publicados pelo IBGE em seu site, baseados no Censo 2016. Segundo o Instituto, apenas cerca de 23 mil pessoas possuem empregos formais em São Roque. “Como temos pouco mais de 21.000 casas, este percentual nos mostra que, em média, apenas uma pessoa em cada casa possui emprego formal com carteira assinada, numa cidade que em 2018 chegará a 90 mil habitantes. Creio que esse é um grave problema na nossa economia”, ressalta.

Guto Issa comentou que 76% dos empregos são gerados na área de serviços e apenas um por cento da área do município está ocupada pela produção agrícola. “A Prefeitura é a maior empregadora da cidade, com 2.800 postos de trabalho. A renda média da população empregada é de apenas 2,4 salários mínimos e a cidade não oferece novas oportunidades”, fala.

Para o Vereador Guto, essa situação precisa ser revertida com a máxima urgência. “A Administração Municipal tem a obrigação de planejar o futuro da cidade e reverter este quadro, nossa cidade precisa gerar mais empregos, com isso a economia roda e todos ganham. Continuarei cobrando soluções por parte do Poder Público, a decadência da atividade econômica na cidade precisa ser mudada, sob pena de São Roque continuar atrasada e prestando serviços públicos de qualidade baixa”, finaliza Guto.